Estágio do coma de Paulinha Abelha é o mais grave, diz médico

  Nesta terça-feira (22), a equipe médica que acompanha a cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta concedeu entrevista coletiva sobre o estado de saúde da artista, no Hospital Primavera, em Aracaju. Segundo os médicos, ela chegou ao Hospital Primavera, no dia 17 de fevereiro, em coma e continua em coma grave, ou seja, em … Leia Mais


Comer menos ajuda a retardar o processo de envelhecimento, revela estudo

Um ensaio clínico, investigadores detectaram que ingerir menos calorias potencializa o funcionamento da glândula timo – o que por sua vez, contribui para o aumento da imunidade.  O surgimento de distúrbios associados à idade da glândula é uma razão pela qual a resposta imune dos idosos é significativamente mais fraca, destaca um artigo publicado pelo … Leia Mais



Paulinha Abelha apresenta quadro neurológico grave, diz boletim médico

A cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta, apresenta quadro neurológico grave, segundo o o último boletim médico divulgado no final da manhã deste domingo (20) pelo hospital particular onde ela está internada em Aracaju. Paulinha permanece internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). De acordo com o boletim, o quadro clinico é estável e sem necessidade de … Leia Mais


Paulinha Abelha é transferida de hospital e respira com suporte de aparelhos

A cantora Paulinha Abelha, vocalista da banda Calcinha Preta, foi transferida para o Hospital Primavera, em Aracaju, na noite da última quinta-feira (17). Clinicamente estável, de acordo com o boletim médico divulgado pela assessoria no início da tarde desta sexta (18), a forrozeira, que está em coma, apresenta quadro infeccioso controlado e respira com suporte … Leia Mais


Mulher com HIV é “curada” após tratamento polêmico com células-tronco

Pesquisadores do Centro Médico New York-Presbyterian Weill Cornell divulgaram, nesta terça-feira (15/2), a “cura” do HIV em uma mulher. Ela é considerada a primeira do mundo a se livrar do vírus via tratamento médico.

Segundo os cientistas, a paciente também tinha câncer, e passou por um procedimento polêmico com células-tronco para lutar contra as duas doenças – a terapia é considerada antiética em pessoas que não estão em estado terminal de câncer.

Foi necessário encontrar um doador de medula que tivesse uma mutação rara que o fazia ser resistente ao HIV – a maioria das pessoas que se encaixa na condição é do norte europeu mas, ainda assim, menos de 1% da população é compatível.

Esse tipo de tratamento pode causar a morte do paciente e, por isso, não é usado em pessoas que têm condições de enfrentar o vírus por métodos mais tradicionais.

A mulher tinha HIV desde 2013 e foi diagnosticada com leucemia em 2017. Ela estava sendo tratada há quatro anos e, nesse período, o câncer entrou em remissão. Ela manteve o tratamento para HIV até 2021 e, desde que parou de tomar os remédios, o vírus não ressurgiu.


Cantora da banda Calcinha Preta é internada em UTI

A cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta, foi internada em um hospital particular de Aracaju na sexta-feira, 11, e está, nesta segunda-feira, 14, na Unidade de Terapia Intensiva.

Segundo a assessoria da unidade hospitalar, a internação foi em virtude de problemas renais. Em nota, a equipe e a família afirmaram que o quadro de saúde da artista é estável.

“Paulinha está sendo acompanhada por equipe médica especializada. Agradecemos todas as orações e energias positivas”.

Nas redes sociais, o esposo da cantora, Clevinho Santos, afirmou que Paulinha passou três dias vomitando, com enjoos e tontura.

“A Paulinha teve uns probleminhas de saúde como todo mundo. Ela tá se recuperando. Estou conversando com os médicos todos os dias. Estive no hospital ontem e hoje de novo em conversa de médicos”, disse.

A artista segue passando por exames e a previsão é que a alta médica ocorra na quarta-feira, 17.


Alimentação saudável pode significar um ganho de 10 anos de vida, aponta estudo

Um adulto jovem pode acrescentar pelo menos uma década à sua expectativa de vida se se afastar da típica dieta ocidental, que inclui carne vermelha e processada e optar por uma alimentação com mais legumes, verduras, grãos e castanhas.

Enquanto a longevidade de alguém na casa dos 20 aumenta mais de dez anos, na faixa dos 60, embora o ganho seja menor, não é nada desprezível: em média, oito anos – é o que mostra estudo divulgado anteontem na revista científica “PLOS Medicine”.

Seu autor é Lars Fadnes, da Universidade de Bergen, na Noruega, que usou dados do Global Burden Diseases (Carga Global de Morbidade), um programa que conta com 1.800 pesquisadores de 127 países e avalia o impacto de mortalidade e incapacitação causadas por 107 doenças. De acordo com o programa, somente os fatores de risco relacionados à alimentação estão por trás de 11 milhões de mortes por ano. Leia mais no G1


Covid-19: o vinho pode ter ação protetora da doença, enquanto a cerveja tem efeito contrário, mostra estudo

Beber cerveja pode ser um fator de risco para contrair Covid-19. Em contrapartida, consumir vinho tinto pode proteger contra a doença. Esta foi a conclusão de um estudo feito por pesquisadores do Hospital Shenzhen Kangning, na China.

A pesquisa analisou 473.957 pessoas, das quais 16.559 testaram positivo para Covid-19. Análises apontaram que o consumo de cerveja e cidra aumentou o risco de Covid-19, independentemente da frequência e quantidade ingerida. A alta frequência de consumo de destilados (ingestão de 5 copos por semana ou mais) também aumentou o risco de contrair a doença.

(mais…)


Elizangela recebe alta após ser internada em estado grave com sequelas da Covid

Elizangela recebeu alta médica do Hospital Municipal José Rabello de Mello, em Guapimirim, no Rio de Janeiro, após passar três dias internada com sequelas da Covid-19.

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Guapimirim, a atriz precisará fazer uso de suporte de oxigênio temporariamente por uma semana, para auxiliar na melhora da respiração.

“A atriz recebeu alta médica, já está em casa, mas ainda realiza uso de suporte de oxigênio. Vai precisar por uma semana”, informou a assessoria ao g1.

Contrária à vacina, a veterana não recebeu nenhuma das doses do imunizante. Segundo a assessoria de Elizangela, ela é “bem rebelde” e por isso não quis se vacinar.