Governo do Estado amplia vigência e concessão do Programa Bolsa Presença

O Governo do Estado ampliou a vigência e a concessão do Programa Bolsa Presença, com a implantação da segunda etapa, conforme portaria nº 1522/2021 publicada pela Secretaria da Educação do Estado (SEC) , nesta quinta-feira (30), no Diário Oficial. A portaria estabelece que a segunda edição do Programa Bolsa Presença terá a duração de três … Leia Mais



Homem morre eletrocutado em poste, durante manutenção de internet

  Na manhã desta segunda-feira (27), um homem morreu eletrocutado em um poste, em Barra de Jacuípe, Costa de Camaçari. O rapaz, que não a identidade revelada, não era funcionário da Coelba e nem prestava serviço para a empresa. De acordo com informações, a vítima trabalhava em uma empresa de telecomunicação de Camaçari e estava … Leia Mais


Rui Costa anuncia blindagem de todas as viaturas da Polícia Militar da Bahia

O governador Rui Costa (PT) anunciou em coletiva durante a entrega de novas viaturas da Polícia Militar nesta segunda-feira (27) na sede da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), em Salvador, que todos os carros da corporação serão blindados na Bahia. Inicialmente, os 48 carros entregues durante a cerimônia já passarão pelo procedimento antes de rodar nas ruas. 

“Vamos pedir uma Autorização especial. Quando for devolvido para ser alugado, ser retirada a blindagem. Já os carros próprios, vamos fazer progressivamente”, declarou o chefe do executivo estadual.

O investimento chega em um momento em que os policiais militares tem sido alvos constantes de ataques, seja através de assalto ou em confronto durante as atividades da corporação. Na última semana, três policiais foram baleados, dois deles estavam em serviço no bairro de São Cristóvão, em Salvador e em Simões Filho, na Região Metropolitana e um outro foi alvejado em uma tentativa de assalto também na capital baiana. 

Já nesta segunda-feira (27) a semana também inicia com uma nova ocorrência de atentado contra um PM, dessa vez, no município de Feira de Santana em tentativa de assalto.  

Por: João Brandão/ Aline Reis


Médico pediatra é morto a tiros dentro de clínica no oeste da Bahia

Um médico pediatra foi morto dentro do consultório que ele prestava atendimento, em uma clínica particular da cidade de Barra, oeste da Bahia, na manhã desta quinta-feira (23). A vítima foi identificada como Júlio César de Queiroz Teixeira, 44 anos, que também prestava serviços como clínico geral.

De acordo com a polícia, um paciente havia saído do consultório quando o suspeito entrou e disparou várias vezes contra o médico. Um dos tiros atingiu a cabeça de Júlio César. Ele chegou a ser socorrido por outros funcionários da clínica para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos. Imagens do circuito interno de câmeras instalado na recepção mostra o indivíduo entrando na sala do médico e em seguida a correria dos pacientes ao ouvir os disparos de arma de fogo.

A Guarda Municipal de Barra detalhou ainda que um homem, comparsa do atirador, o aguardou do lado de fora da clínica para dar fuga. Os dois saíram do local em uma moto. O Departamento de Polícia Técnica (DPT) esteve no local ainda na manhã desta quinta para fazer a perícia. A delegacia de Barra investiga o caso e ainda não há informações sobre o que motivou o crime, nem quem são os suspeitos. *Com informações do G1


Martagão passa a oferecer cirurgia de correção de escoliose em crianças pelo SUS

O Hospital Martagão Gesteira passou a oferecer, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a cirurgia de correção de escoliose em crianças. De alta complexidade, o primeiro procedimento cirúrgico foi realizado nesta segunda-feira, 20, e a paciente, uma jovem de 16 anos, residente no interior do estado, está em processo de recuperação e deve receber alta nos próximos dias.

A escoliose é um encurtamento da coluna, causado por uma curvatura lateral e rotação. É uma doença progressiva que, com o passar do tempo, pode comprimir o pulmão e, indiretamente, o coração.

“A inclusão desse tipo de cirurgia no Martagão amplia, na rede pública do estado, o acesso de crianças que necessitam desse procedimento. O Hospital, que é 100% SUS, passa a contribuir para dirimir essa demanda da rede, além de se tratar de uma meta da própria Instituição de aumentar a complexidade da assistência”, ressalta o diretor médico do Martagão, Samir Nahass.

(mais…)


Levantamento aponta que agricultura baiana gerou R$ 27,5 bilhões em 2020

Os dados da pesquisa da Produção Agrícola Municipal (PAM), divulgados nesta quarta-feira (22) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelam que a agricultura baiana voltou a bater recordes em diversas cadeias produtivas.

Como resultado, de 2019 para 2020 o valor gerado pela agricultura do estado teve o maior aumento em 26 anos, da ordem dos 41,9%. Os dados apontam ainda que  o novo patamar atingido é o total movimentado pelo setor no estado – R$ 27,5 bilhões –, sendo esses números os maiores desde o começo da série histórica da PAM em 1974.

(mais…)


Perícia aponta erros e diz que soldado morto na Barra não atirou contra PMs

O soldado Wesley Soares, morto por agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) após realizar disparos para o alto durante protesto no Farol da Barra em março deste ano, “foi morto em ação desastrosa, resultado de excesso de força letal e despreparo”.

O parecer é de uma perícia particular, contratada pela Associação dos Policiais e Bombeiros Militares do Estado da Bahia (Aspra), assinada pelo Secrim. Segundo o documento, “o Gerenciamento de Crise foi desenvolvido de forma incorreta e fora das doutrinas nacionais e internacionais”.

Segundo a perícia, o soldado não atirou na guarnição, “mas por cima dela”. Por sua vez, a guarnição “sem ameaça iminente, efetuou seis disparos na direção do Soldado Wesley, alvejando-o enquanto a arma da vítima se encontrava apontando para o solo e não para a guarnição”.

O laudo aponta que o soldado foi atingido novamente quando já estava atingido no chão, “indicando claramente excesso de força letal”.

“Diante da análise dos fatos, se os protocolos de gerenciamento de crise tivessem sido obedecidos e os profissionais certos tivessem participado do procedimento, a solução do conflito teria sido a rendição do soldado Wesley Soares de Góes e não sua execução”.

Até o momento, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia não se posicionou sobre o laudo. À época, a corporação afirmou que “o soldado alternava momentos de lucidez com acessos de raiva, acompanhados de disparos”.

*Atarde